A Violência Doméstica | Meios de Intervenção

A Violência Doméstica | Meios de Intervenção

Intervenção Social
30 Set 2020 10:00 Plataforma Online
Promover a partilha de conhecimento sobre o fenómeno da violência doméstica, com foco na legislação e em dois meios de prevenção utilizados no país – teleassistência e vigilância eletrónica e analisar a importância das forças de segurança e das IPSS enquanto promotoras de respostas de proximidade no apoio às vítimas de violência doméstica são os principais objetivos deste seminário organizado pela Divisão de Ação Social Intergeracional e Saúde da Câmara Municipal de Espinho.

Programa:
  • Manuel Albano, Delegado Regional do Norte da Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género, "Caracterização da violência doméstica: conceitos e dinâmicas associadas".
  • João Manuel Duarte, Chefe Coordenador Adjunto da Esquadra de Investigação Criminal de Espinho, "A importância das forças de segurança na avaliação de risco e na intervenção de primeira linha". 
  • Mário Mendes, Procurador da República do DIAP de Santa Maria da Feira, "Respostas legislativas no apoio às vítimas de violência doméstica e a eficácia das medidas de prevenção e combate à violência: teleassistência e vigilância eletrónica".
  • Anabela Monteiro, Gabinete de Apoio à Vítima "Espaço Bem me Quero" - Centro Social de Paramos, "Recurso a Casas Abrigo e Centros de Acolhimento de Emergência".

Objetivos:
  • Desenvolver competências necessárias para melhorar a intervenção social dos agentes no âmbito da violência doméstica.
  • Capacitar os profissionais que atuem ou pretendam atuar no apoio a vítimas de violência doméstica, para que possam dar uma resposta técnica especializada.
  • Compreender as dinâmicas deste tipo de violência e as especificidades da intervenção psicossocial com as vítimas, sabendo, para cada caso, a resposta a dar e garantindo assim a defesa dos direitos humanos das vítimas.

Destinatários: 
  • Decisores dos Municípios, Empresas Municipais e de Órgãos da Administração Pública com intervenção na problemática da violência doméstica.
  • Técnicos interventores na área social na administração local;
  • Técnicos/as de Municípios e de Empresas Municipais de ação social;
  • Estudantes Universitários/as de áreas das ciências sociais e humanas.
  • Outros interessados na temática. 

Inscrições obrigatórias, até ao próximo dia 28 de setembro, através do link: https://bit.ly/3hG7eFl

Limite máximo de 100 participantes, registados por ordem de receção da inscrição.